Quarta-feira, 25 de Março de 2009

Acabaram-se os Lucílios!

E se implico com uns que são muito atarracados, tacanhos, mesquinhos e afins (e não é mau feitio, juro!!!), já outros têm o meu absoluto apoio! Acredito que, não fosse a distância, passaria a ser uma frequentadora assídua da igreja do senhor padre que se recusa a baptizar crianças com o nome de Lucílio. Pondero, até, oferecer-me como acólita.
Assino por baixo e apoio incondicionalmente a decisão do pároco. Imaginem se as criancinhas baptizadas com esse nome seguem um caminho de corrupção, parcialidade e tal e tal? O objectivo, a longo prazo, é proteger a sociedade de mais "árbitros".

tags:
Gatafunhado Loira às 15:19

| Gatafunha tu
Loirice:
De 3kqv45n a 25 de Março de 2009 às 15:49
Na minha freguesia o senhor abade embirrava solenemente com os burros teimosos, especialmente quando os antolhos intelectuais não lhes permitiam discernir um molho de palha duma seara.
Há tanto Lucílios, Abílios, Pompílios, Basílios, Cecílios a marcarem penalties fantasma por esse mundo fora e nunca se ouviu tanta zaragata!
De Loira a 25 de Março de 2009 às 15:51
concordo plenamente!!! :)
De Cate a 25 de Março de 2009 às 19:42
OMG! Fiquei parva! xD
De jaagoraesenpre a 30 de Março de 2009 às 23:35
eu consigo comentar negativamente quase tudo incluindo o futebol , que eu não percebo nada. mas fico com alguma dor que metam a Igreja e o futebol no mesmo saco. sabe que eu respeito muito a Igreja. inclusive respeito as varias religiões, porque todas tem bons ideais...

Loirices novas

Até...

...

...

...

Burrice ao cubo!

Get myself arrested...

...

...

...

...

Birrices...

...

...

...

...

Loirices ultrapassadas

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Todas as imagens (salvo as pessoais, claro!) são retiradas da Internet, através do Google.