Terça-feira, 27 de Abril de 2010

...

 

E aquilo que de pior pode acontecer a uma pessoa?

 

É criticar alguém, e todo o meio mundo, que usa meia branca. Quem tem um pinheirinho de cheiro bem pendurado no espelho retrovisor. Pior! Aqueles que têm a imagem da santinha, num plástico que fede quando o sol lhe bate durante meio minuto seguidinho.Os que pensam que os carros são autênticos jardins zoológicos ou que ainda não se conseguiram libertar da criancice há muito perdida (ainda que eles não saibam). Aquelas q passaram duas semanas a especar-se e babar-se perante a nossa carteira de marca, cuja santa ignorância nem lhes permitia saber que existiam carteiras daquela marca e, sorte dos audazes e pacientes!!!, vem uma feira de stocks à cidade e, magia!!!, as tais carteiras caríssimas estão a menos de metade do preço!

 

O pior disto tudo? É criticar em voz alta, que críticas são assim mesmo: em voz alta!, e perceber que se está a atingir a ferida de alguém. A entrar em campo minado. Por estas e por outras que dizem: Ó Loira, e se pensasses naquilo que vais dizer, antes de o dares a conhecer ao mundo? Amigos: se assim fosse, a coisa não teria muita piada!

 

Notas:

- Não sou contra a imagem da santinha. Sou muito católica e ando sempre com um terço/rosário no carro. Acredito piamente na protecção divina.

- Uma das minhas melhores amigas tem o carro transformado em creche para ursinhos, animais e afins, por isso ela também está a levar por tabela!!!

Gatafunhado Loira às 11:20

| Gatafunha tu | ver as loirices (2)
Quinta-feira, 22 de Abril de 2010

Birrices...

Há uma gaja que, todas as noites, se senta à minha frente.

É uma gaja que vem de uma terrinha que não vale uma rua, sequer, da cidade onde vivo.

É uma gaja cujo sotaque parece de um outro planeta.

É uma gaja que critica quem se dedica a actividades tradicionais e rurais porque, segundo ela, "sou do Porto!", como se isso lhe de desse poder e legitimidade de criticar quem quer que seja.

É  uma gaja que, e afinal, é de uma terreola cuja única relação ao Porto é ficar mesmo no limite do concelho.

É uma gaja que ainda não tem noção que a vida é difícil e que custa a todos.

É uma gaja que ainda está a frequentar o ensino superior e que pensa que, mal acabe o curso, vai sair a ganhar milhões.

É uma gaja que, fale-se de cebolas, de motas, de sol ou televisão, aproveita para falar que "na minha viagem pela Europa de Leste".


Ai gaja. gaja, que se tu me chateias muito ainda temos problemas!

Gatafunhado Loira às 10:13

| Gatafunha tu | ver as loirices (4)
Quarta-feira, 21 de Abril de 2010

...

Qual é o problema das pessoas que, depois de efectuarem uma operação no MB, ficam especadas em frente à máquina a analisarem ao pormenor o talão. (Caracteres. Algarismos. Impressão. Cor da tinta. Data. Hora. Saldo...)


Nenhum! Os outros que esperem! Pois claro!

 

Gatafunhado Loira às 15:50

| Gatafunha tu | ver as loirices (6)
Terça-feira, 20 de Abril de 2010

...

 

Há pessoas que me fazem lembrar as moscas... insistem em estar sempre na merda e, quando decidem voar, vão direitinhas às fitas mortíferas!

Gatafunhado Loira às 15:53

| Gatafunha tu | ver as loirices (5)

...

Há gajas que têm muito que agradecer à mãe Loira pela boa educação que me deu. Caso contrário, perante comentários do tipo...

- "Ah, comes tantas porcarias e não engordas. Que fazes tu à comida toda?" (com voz e ar de enjoada e escandalizada)

...receberiam respostas do género:

- "Olha, ao contrário da tua, que vai direitinha para a cavidade cerebral, a minha sai nas idas ao Wc!"

 

Tenho dito!

Gatafunhado Loira às 15:47

| Gatafunha tu | ver as loirices (3)
Segunda-feira, 19 de Abril de 2010

...

Ele há produtos que "depuram" a banha. O sangue. Os pulmões.

Ele há Depuralina para todos os gostos e feitios.

Inventam tudo, para depurar tudo e mais alguma coisa, mas a merda do cérebro, essa continua como património nacional!

Gatafunhado Loira às 17:37

| Gatafunha tu | ver as loirices (1)
Quinta-feira, 15 de Abril de 2010

...

Não sei se deva preocupar-me quando o Coiso me diz:

"Loira: bolas que és mesmo gaja!"

 

Gatafunhado Loira às 15:36

| Gatafunha tu

...

Estes filhos da put@, em vez de verem quem manda os carros dos outros para a oficina, andam a multar trabalhadores que estacionam o carro num lugar que "afecta o negócio de um cabrão e paneleiro qualquer". Vai daí, que o cabrão, cujo negócio deve estar às moscas, ou não teria tanto tempo para andar a inspeccionar os carros alheios e muito menos para enriquecer a PT com telefonemas, chama a moina. Vai daí que a moina multa a Loira. Vai daí que a Loira, que nem que a multa fosse tão grande que, para a pagar, tivesse que vender o carro, se mantém impávida e serena.Vai daí que a Loira está mortinha por apertar o pescoço ao grande filho da put@.

Por isso, já sabem, se aparecer uma montra toda estilhaçada já sabem quem foi. Mas não se preocupem que nada me acontecerá. Isso seria só se eu deixasse o carro estacionado em frente à loja do panisgas. Além disso, conto acertar com a pedra (a arma do crime) na caixa cerebral (vazia) do cabrão que tem a put@ da mania de chamar a moina, pelo que estará indisponível para telefonemas e chamadas e conices.

 

Tenho dito!

 

(Ah! E esta é a segunda multa em menos de uma semana! Brilhante!)

(Ah! E desculpem o rol de palavrões, mas é mesmo assim!)

Gatafunhado Loira às 11:55

| Gatafunha tu

...

Grande, grande lata é ir ter com amigas a um bar, sentar-me na mesa (na qual não cabia mais um alfinete, sequer), perceber que, afinal, o que se passava ali era um aniversário de um gajo que não sei quem é, beber da champanhe que lhe ofereceram e comer do bolo de aniversário (óptimo, por sinal!).

É incrível como, com a idade, deixamos de ter vergonha de certas coisas!

Gatafunhado Loira às 09:53

| Gatafunha tu | ver as loirices (2)
Quarta-feira, 14 de Abril de 2010

...

Uma mesa. Salada à frente (blerrrghhh). Duas amigas. Conversa? Homens.

 

S. - "Repara. Lembras-te do meu telemóvel que comprei? Funcionou apenas algum tempo. Depois tive que recorrer àquele telemóvel que sempre me safou. Aquele que eu penso que não gosto, mas que está lá sempre que preciso. E não é que passei a adorá-lo? O mesmo se passa com os gajos. Não sabes quando passas a gostar verdadeiramente de um... Principalmente, quando é aquele que está sempre ali. Que tu sabes que está sempre contigo. Às vezes dizes: ah e amo A ou B. Isso pensas tu. Porque, quando te deixa na m@rda, vês que o C é que é o Tal".

 

Loira - "Bolas, que tu és mesmo fina!".

Gatafunhado Loira às 17:35

| Gatafunha tu | ver as loirices (2)

A teia...

 

E é assim que a vida é:

 

enquanto os aranhiços (ficava melhor no feminino, mas poderia gerar confusões) continuarem a enrolar as moscas nas suas teias e não se decidem se a comem, se a cospem, se a deitam fora, se a deixam para que outros bichos (esses mauzões) se possam empaturrar à vontade, continua tudo na m@rda!


Melhor, continuava, porque há moscas giras! Fortes! Resistentes! E, pasme-se!!!, com inteligência suficiente para somar 1+1.(Onde já chegámos!!!)

 

Por isso:

 

Querido aranhiço:

 

temos muita pena!

 

 

(E eis o regresso da Loira!!! I hope so...)

Gatafunhado Loira às 15:37

| Gatafunha tu | ver as loirices (4)

Loirices novas

Até...

...

...

...

Burrice ao cubo!

Get myself arrested...

...

...

...

...

Birrices...

...

...

...

...

Loirices ultrapassadas

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Todas as imagens (salvo as pessoais, claro!) são retiradas da Internet, através do Google.